Parceria – Por Paulo César Pinheiro

Parceria - Por Paulo César Pinheiro

Parceria é um casamento, mas que dura…
Porque na parceria não há jura
Não há promessa de fidelidade.
Se, em plena criação, alguém lhe atrai
Você diz ao parceiro, e você vai…
E volta a ele quando dá saudade.

Porque ele também não se magoa,
Pois sempre sai alguma coisa boa
Quando na música se prevarica.
Um samba, uma modinha, uma toada;
Depende muito de cada transada,
Mas se é bem dada é uma canção que fica.

Parceria é um casamento que não cansa
Porque não tem contrato nem cobrança.
Ciúme tem… mas isso é passageiro.
Quem é traído, muita vez reage
Propondo aos dois fazer um menàge
No instrumento do próprio parceiro

Mas brincadeira à parte, a parceria
É uma amizade que se faz um dia
E não se rompe por qualquer besteira.
É o desejo ardente da poesia
Que vai pra cama com a melodia
Deixando frutos pela vida inteira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s